DIVULGAÇÃO DOS DEZ PRIMEIROS INTEGRANTES DO CONSELHO POLÍTICO CIDADÃO


Alisson Rafael de Sousa Lopes

Samara Portela Silva

Marcos Aurélio Pereira Valadão

Cilene Ribeiro Nader

Gilbert Di Angellis da Silva Alves

Emanuela Marcelina Dias da Silva

Catarina Hoff Vieira

Rômulo Neves

Iolanda Elisia de Oliveira

Christiane Rodrigues Pantoja


CONSELHO POLÍTICO CIDADÃO. Composto por pessoas representativas de vários segmentos sociais, esse colegiado será responsável por:
a) manter o mandato fiel ao programa apresentado na campanha;
b) zelar pela adoção das melhores práticas políticas, em especial aquelas voltadas para a transparência e intenso diálogo público e
c) adotar decisões no âmbito do exercício do mandato, como a definição de alocação de recursos por intermédio de emendas orçamentárias.

 

Aldemario é um legítimo representante dos melhores valores da REDE SUSTENTABILIDADE para a representação política do DF
Wesley Diógenes

Com ALDEMARIO eleito Deputado Federal pela REDE a repsentação do DF na Câmara dos Deputados ganah muito em seriedade, competência e compromisso com as causas populares e democráticas
Randolfe Rodrigues

Guerreiro!!! Honrado, Corajoso, Competente, Necessário!!! Que honra a minha em estarmos juntos na mesma trincheira
Heloisa Helena

Aldemario é uma referência intelectual, política e profissional. É um homem extraordinariamente inteligente - sensível, criativo e pragmático ao mesmo tempo. Estas qualidades, somadas à sua integridade, experiência, impressionante capacidade de articulação e espírito público são aquilo que precisamos em nossos parlamentares
Luiza Chaer

Precisamos renovar a Câmara Federal com pessoas comprometidas com a qualidade de vida, na defesa do bem estar das pessoas e da sustentabilidade do DF e do Brasil. Aldemario reuni essas propostas não só como propostas de eleição, mas como compromisso de vida. Aldemario Araujo merece nosso apoio por toda a sua trajetória de lutas por um Brasil democrático, justo e sustentável
Pedro Ivo

Aldemario representa a honestidade, capacidade e espírito republicano, que tanto precisamos na Câmara Federal
Márcio Prado

Desejo muito sucesso na empreitada. O Brasil ganha com sua candidatura
Christiane Pantoja

Competência e credibilidade. Avante
Carmen Gusmão

A trajetória pessoal, profissional e política de Aldemario Araujo Castro é marcada pela retidão, pela coragem, pelo senso crítico e pela visão humanista do mundo. Uma escolha necessária para tornar a Câmara de Deputados um espaço de resistência e luta em favor da democracia, da redução das desigualdades, da transparência e do desenvolvimento sustentável
Lademir Gomes

Quem luta por uma causa tem valor, quem luta por interesse tem preço. A candidatura do Dr. Aldemariotem valor
Bernardo de Sales

Aldemario é um amigo dileto e um advogado público que reúne todos os atributos para quem deseja uma representação parlamentar qualificada, séria, honesta e com eneorme espírito público
Roberto Giffone

Tenho certeza que será um excelente representante do povo brasiliense na Câmra Federal
Paulo Simões

Renovação, competência e seriedade
Júlio Avelino

Excelente nome
João Elias

Parabéns Aldemario pela trajetória. Vibrando positivamente por você
Patrícia Passos

Que legal !!!
Maria André

Sim, é possível reunir ética, comprometimento, seriedade, honestidade e profundo conhecimento em uma única pessoa. Tem todo meu apoio, amizade e respeito mestre Aldemário
Renata Amaral

Trabalhador
Rodolfo Mohr

Credibilidade
Rafael Parente

Toppppppppp
Sarah Quinete

Honestidade
Auderita Alcântara

Aldemario Araujo Castro é um nome que engrandece a Advocacia Pública. Tive a honra de conviver com Aldemario quanto juntos representamos a Advocacia no Conselho Federal da OAB. Tenho a convicção de que Aldemario, como seu perfil técnico, ético e conciliador poderá contribuir de forma destacad com o processo legislativo na condição de Deputado Federal pelo DF. A eleição de Aldemario, será a vitória da Câmara dos Deputados, do Distrito Federal e do Brasil
Francisco Esgaib

Um verdadeiro combatente por um Brasil democrático e socialmente justo
Gilberto Costa

Muito sucesso na empreitada
José Messias de Souza

Um excelente candidato
Fátima Feitosa

Sucesso
Ivone Carvalho Lopes



 

Um cara honrado
Joel Arruda

Sucesso
Mario Agra

Inteligente
Rosa Alves

Não é somente porque é meu amigo e colega advogado público que tem o meu apoio e torcida. Mas pelo que defende, sempre com textos em que traz reflexões e argumentos jurídicos e polítivos muitas vezes não abordados na mídia e em outros espaços
Guilherme Lazarotti

Conheço Aldemario desse Maceió, quando o mesmo era estudante. Nunca o encontrei sem que ele estivesse com um livro. Assimilou de seu pai, meu colega Engenheiro, os princípios inafastáveis da moral e da ética. Será um grande deputado
Glauco dos Santos Gouvêa



 

Feliz em saber do seu comprometimento com o Estado, o qual negar o dever de transparência é escancarar as portas para a prática das mais gravosas conduta de corrupção. Na Administração Pública, o que não pode ser visto, via de regra, não pode ser pratiado. Esse é o meu Deputado
Samara Portela

Leio e conheço seus livros e artigos e sei do tamanho do conhecimento assim como da sua competência
Sheylla Ribeiro

Sei que seria excelente ver pessoas de sua qualidade lotando o parlamento brasileiro, isso em todos os níveis, estaduais, distritais, municipais e federal, sei que é uma utopia minha, mas sonhos são para serem realizados
Manoel Silva

Integridade, coerência e compromisso com os ideais republicanos
Odair José

Coerência
Francine Soares



 

Uau !!! Au au
Granola (pela tutora Francine)

Ética define meu candidato Aldemario. Ética em tudo que prega e faz. Uma vida pautada na ética
Fátima Benjamin

Competente
Estevão Rolim

Conciliador
Rodrigo Chia

Excelente opção para o eleitor do DF
João Queiroz



 

Um homem brilhante, verdadeiramente comprometido com o estdao e com a sociedade
Brenda Teles

Aldemario representa a defesa do Erário Público e o comprometimento com o Brasil
Ricardo Souza

Recebi com incontida satisfação a informação da sua candidatura. O Congresso e o nosso país precisam de mais homens sérios, íntegros e qualificados como o Sr. Receba todo o meu apoio
Murillo Macedo

Será um deputado com muita, mas muita capacidade e do bem
João Laia

Um ativista nato de 1a. grandeza
Audemaro Araujo



 

Meu admirável professor
Vânia Carvalho

Seriedade
Sheyla Sampaio

Em tempos de crise que abalam instituições, enxergamos com facilidade o abismo entre os representantes eleitos, suas políticas públicas, e os interesses legítimos da população. Aldemario reúne as características que viabilizarão esse encontro. Fazer política voltada para as reais necessidades do povo. Integridade, inteligência e força
Patrícia Rossato

Aldemario é um quadro qualificado da advocacia brasileira. Foi um conselheiro federal da OAB sempre comprometido com as grandes causas da sociedade e da classe que representava
Marcus Vinicius

Precisamos de pessoas como você na vida pública para lutar pelos menos favorecidos! Tenho certeza dos valores que te movem e por isso tenho orgulho de ser sua amiga e encorajo sua luta
Erenice Guerra



 

Íntegro e coerente
Edimar Fernandes

Competência, honestidade e garra. Aldemario é brilhante
Cilene Nader

O Dr. Aldemario é, sem qualquer exagero, uma das pessoas mais honestas, honradas e competentes que já tive o prazer de conhecer. Um sujeito de grandes ideias. Uma pessoa ímpar
Paulo Nardelli

Por qual motivo escolho Aldemario? Há uma diferença entre políticos e estadistas. Políticos, quase sempre pensam nos proveitos de suas ações, é uma relação de custo-benefício. Estadistas pensam no justo, no correto, não importa se o custo de ser correto implique ganhar ou perder uma eleição. Aldemario é um estadista, por isso tem meuy apreço e voto
Leonardo Câmara

Integridade
Vílson Vedana



 

Dr. Aldemario reúne as qualidades que o país mais precisa neste momento: uma vida dedicada, na advocacia pública, ao fortalecimento da Democracia, e o compromisso com a Justiça Social e a Ambiental
Andréa

O Professor Aldemario Araujo Castro reúne todas as condições de representar o povo de Brasília na Câmra Federal. Tem preparo intelectual e já exerceu cargos de destaque, na administração federal e distrital. Apoio
João Carlos Souto

Confio no Aldemario para, com sua seriedade, capacidade intelectual e espírito democrático, muito bem representar o povo do Distrito Federal na Câmara dos Deputados
Claudio Sampaio

Conheço Aldemario desde que cursavamos direito na Universidade Federal de Alagoas. Aluno brilhante. Depois, prestou com êxito concurso para a Procuradoria da Fazenda Nacional e vem desempenhando com grande destaque o seu cargo. Ademais, é homem íntegro, de princípios e comprometido com causas sociais da maior relevância
Guilherme Porangaba

Honestidade
Angélica Dubra



 

Mestre, colega de carreira, amigo leal e verdadeiro, meu deputado federal certeza de boa representatividade
Ingrid Caroline

Integridade, seriedade e decência
Kennedy Mendonça

Aldemario é um exemplo de ser humano ético e comprometido com o bem-estar das pessoas e das instituições nacionais, além de profundo conhecedor do Direito brasileiro. Será um representante do povo e seu defensor incansável
Maurício Muriack

Voto nele pela certeza sobre sua hosnestidade e eficiência
Cristina Amaral

Convivo com Aldemario há vários anos e sei que é um cidadão comprometido com o interesse público, tendo longa trajetória de serviços prestados ao País
Rommel Macedo



 

Aldemario é um colega exemplar que reúne todas as qualificações necessárias para exercer o cargo de Deputado Federal de forma diferenciada, em benefício do cidadão brasileiro
Danielle Nascimento

Aldemario impressiona pela firmeza moral e inteligência. Como se não bastasse, consegue brilhantemente apresentar suas convicções e defender seus ideais sem dispensar gentiza e bom humor. Um ser humano raro e indispensável nesses tempos em que se faz tão importante resgatar os valores da civilidade e humanismo
Victor Neiva

Precisamos de políticos assim, com compromisso, ética, e sempre atuante. #AldemarioMeRepresenta
Virgínia Miller

Cabra bom!
Amaury Walker

Esperança, pela experiência na advocacia pública com ética
Abadia Alves



 

Aldemario é uma pessoa confiável e que se dedica ao bem comum. Merece o voto
Ana Paula

Vamos que vamos, Professor
Geraldo Ferreira

Brasília merece um deputado federal inteligente, íntegro, ético, honesto e que lute contra a corrupção e a roubalheira! Por uma Brasília melhor, é Aldemario na Câmara já
Patrícia Gripp

Com ALDEMARIO teremos uma bancada federal firme na defesa da democracia e da sustentabilidade
Adila Lopes

Não falo de Aldemario por ouvir dizer. Falo por ver fazer. Testemunhei o seu trabalho como Conselheiro Federal da OAB. Acompanho a sua atuação na advocacia pública e sei da sua militância política. Posso dizer que ele é um cabra bom. E de luta
Cezar Britto



 

Aldemario, além de um ser humano incrível, pois entende as necessidades do próximo, é tecnicamente muito preparado e talhado para ser parlamentar. Com sua eleição, ganha o parlamento e ganha o país
Luciana Hoff

Com ALDEMARIO na Câmara dos Deputados as causas democráticas e populares ganham um lutador com coerência e competência. Terá um mandato que defende o povo e a dignidade humana. Por um país com mais equidade e liberdade. Voto em Aldemario
Gustavo de Biase

Tive a honra de conhcer recente o amigo Aldemario. Sua trajetória acadêmica e profissional, sua inteligência e compromisso com a ética são exemplares. Tenho certeza que Aldemario exercerá com excelência o mandato eletivo que receber do povo de Brasília
Alessandra Novais

O Aldemario é o ideal de parlamentar que todo cidadão de bem sonha em ter como representante na política. Tive a honra de conviver e descobrir um ser humano livre de preconceitos, honesto, do bem! É um profissional que conquistou respeito pela competência, honestidade, e profundo conhecimento. Escritor brilhante, o conteúdo dos seus livros estão sempre voltados a ajudar o leitor, seja na vida profissional, pessoal ou sua conscientização política. Espero que a população de todo o Brasil tenha oportunidade de ter "Aldemarios" como candidatos, pra eleger e tornar esse país melhor, com ideais mais legítimos
Ludmila Menezes

Competência, ética e compromisso com transformações efetivas
Pedro Rangel



 

Um Professor de primeira linha
Alberto Cardoso

Um exemplo de atuação política. Votei para o Senado em 2014
Ana Guerra

Cidadão sensível e atento às causas sociais, amigo generoso, profissional ético e disponível para estabelecer diálogos. O Brasil mercece tê-lo no Congresso Nacional
Rita Medeiros

Aldemario se diferencia pelo seu olhar cirúrgico no essencial para o bem comum. Sua coragem inabalável, determinação e persistência para defesa de suas convicções são características que já tive a honra de testemunhar. É impressionante tanta dedicação e sabedoria no agir e no falar, principalmente pela maneira bem humorada, argumentação técnica impecável e honestidade inquestionável. Além de transparecer confiança, Aldemario consegue nos fazer devidamente amparados e representados por ele em qualquer situação de embate político. Deposito meu voto e credibilidade em Aldemario como se assinasse um cheque em branco cujo valor seria depositar total credibilidade na defesa da melhor política para a sociedade brasileira. No atual contexto é indispensável contarmos com políticos incorruptíveis e de competência exemplar como a desse candidato
Daniela Aben-Athar

Aldemário tem excelente capacidade técnica, além de um coração gigante e cabeça no futuro! Com certeza é nossa melhor representação no congresso nacional!
Guilherme Souza



 

Todo apoio à candidatura de Aldemario Araujo para a Câmara Federal. É de gente honrada e proba como ele que precisamos na política institucional
Bruno Cerqueira

Boa campanha e muito voto na urna
Maninha

Meu exemplo de competência, determinação, fortaleza e integridade
Josemary Dantas

Honestididade e competência
Pedro Oliveira

Um jurista excelente. Pode acrescentar muito na vida parlamentar
Flávio Alcântara



 

Certeza de uma representação honrada
Anna Gouvêa

Política com "P" maiúsculo
Alexandre da Costa

Com a REDE e com ALDEMARIO
Reinaldo Porto

Com o Aldemário a Câmara Federal ficará muito mais inovadora com o frescor de suas ideias sobre Sustentabilidade e Justiça Social com respeito ao usuário de Serviços Públicos no Brasil
Enilde Neres

Um combatente contra a corrupção na Câmara Federal
Pedro Mascarenhas



 

Competente como professor. Será competente como Deputado
Devilson Barreto

Tem todas as qualidades para fazer a diferença
Bruno de Alencar

Sua ampla experiência e conhecimento jurídico serão fundamentais para um bom mandato
Leandro Augusto

Aldemario é um cara idôneo, muito competente em tudo o que faz. Fico orgulhosa de que Brasília possa ser representada por uma pessoa tão capacitada e consistente
Calina Lígia

Dignidade e habilidade, algumas das virtudes do Dr. Aldemario
Daniela Ribeiro



 

A representação popular merece alguém com a qualidade de Aldemario
Saulo Oliveira

Garantia de fiscalização das despesas públicas com conhecimento e competência
Vânia Terra

Precisamos de pessoas honestas e capacitadas
Adriano

Quando a competência e vontade caminham juntas
Leila Barreto

Competência, liderança, comprometimento com a coisa pública, honestidade, são algumas das qualidades que posso listar. Excelente nome para nos representar
Luciana Barbosa

Competente e dedicado, Dr. Aldemário sempre lutou intransigentemente pelas boas causas
André Rizzo




CARTA DE APRESENTAÇÃO

PRÉ-CANDIDATURA A DEPUTADO FEDERAL PELA REDE/DF

Preciso de 5 (cinco) minutos de sua atenção para tratar das ELEIÇÕES PARLAMENTARES DE 2022

1. Do processo de votação realizado em 2 de outubro de 2022 emergirá um Congresso Nacional com 27 senadoras/es e 513 deputadas/os federais eleitas/os.

2. Você tem 1 (um) voto para participar desse processo e, com certeza, influenciará uma considerável quantidade de sufrágios de amigos, familiares e colegas de trabalho.

3. São dois basicamente, com alguma simplificação, os modelos de campanhas eleitorais (com reflexos necessários no exercício dos mandatos).

4. O primeiro tipo de campanha, caracterizado pelo "voto fisiológico", está baseado: a) na contratação interesseira de cabos eleitorais; b) na “compra” de apoios de lideranças comunitárias e afins e c) na promessa de vantagens imediatas descoladas de políticas públicas e do equacionamento dos grandes problemas locais, regionais e nacionais. Esses e outros expedientes na mesma linha, lastreados em volumes consideráveis de recursos pecuniários, explicam as eleições de algumas pessoas, desconhecidas ou despreparadas, que parecem "cair de paraquedas" no mundo da política (como vencedores nas eleições).

5. O segundo tipo de campanha, caracterizado pelo “voto de opinião”, está fundado: a) em propostas programáticas e b) em trajetórias de vida que demonstram as habilidades técnicas e políticas para instrumentalizá-las. Esses critérios estão baseados na conscientização, mobilização e organização da sociedade e seus diversos setores. Nesse caso, recursos pecuniários mais significativos não são decisivos.

6. Normalmente, o primeiro tipo de campanha, baseada no "voto fisiológico", resulta, se bem sucedida, num mandato parlamentar comprometido com interesses socioeconômicos minoritários bem definidos. São parlamentares que, em regra, dão sustentação política para a construção e manutenção de trilionários mecanismos de transferência de riqueza do conjunto da sociedade (mais de 99% da população) para uma minoria de privilegiados (menos de 1% da população). Esses instrumentos se manifestam na forte tributação do consumo de mercadorias e serviços, nas altíssimas taxas de juros, em injustos benefícios fiscais e subsídios, na remessa de bilhões e bilhões de reais para paraísos fiscais, em níveis estratosféricos de sonegação, entre outros. Não raro, são construídos poderosos mecanismos de corrupção para alimentar a fome eleitoral dessas figuras, como no atual "orçamento secreto", concebido e gerenciado pela associação entre o Centrão e o (des)governo Bolsonaro. Um exemplo, com números, é altamente emblemático. As inacreditáveis taxas de juros praticadas no Brasil (sem paralelo em países minimamente civilizados) e o enorme endividamento do Estado, das famílias e das empresas conduzem a transferência anual de algo em torno de 1,5 trilhão de reais do conjunto da sociedade para um punhado de bancos superlucrativos.

7. Já o segundo tipo de campanha, baseada no "voto de opinião", resulta, se vitoriosa, num mandato parlamentar comprometido com visões programáticas mais liberais ou mais sociais. No segundo caso, com variações de concepções, temos atuações e posicionamentos voltados para a ampliação de políticas públicas nas áreas de educação, saúde, mobilidade, cultura, esportes, segurança social, assistência social, entre outras. Busca-se, nessa linha, a conformação de um Serviço Público (ou Administração Pública) fundado no profissionalismo republicano que responda, com eficiência, às demandas da sociedade. Existe toda uma preocupação com a redistribuição de renda e formação de um mercado consumidor forte e gerador de um círculo virtuoso da atividade econômica com geração de empregos e tributação justa não concentrada no consumo de mercadorias e serviços (e sim, na propriedade e manifestações significativas de riquezas). Os profundos malefícios do rentismo e da espoliação realizada pelo mercado financeiro são fortemente combatidos. O respeito às várias minorias, a valorização da diversidade e o combate aos inúmeros tipos de preconceitos são pontos especialmente importantes. A noção de sustentabilidade, notadamente ambiental, recebe relevante atenção diante da profunda crise climática que ameaça a vida no planeta.

8. Sou pré-candidato a Deputado Federal pela REDE SUSTENTABILIDADE do Distrito Federal. São 8 (oito) vagas ou cadeiras em disputa. O grande desafio, nesse caso, é conseguir que o "voto de opinião" mais consequente, com sensibilidade coletiva para os dramas sociais, possa ter uma boa representação nesse importante espaço parlamentar.

9. Farei o segundo tipo de campanha, baseado justamente no "voto de opinião", e buscarei representar os interesses populares e democráticos da grande maioria da população do DF (trabalhadores públicos e privados, desempregados, estudantes, aposentados, crianças, jovens, LGBTQIAPN+, mulheres, negros, indígenas, artistas e setores ou segmentos marginalizados de qualquer forma). Pretende-se, ainda, no âmbito desse projeto, dar voz aos mais novos e instigantes direitos da natureza, dos animais e aos necessários ideais de sustentabilidade, em suas várias vertentes.

10. Meu currículo (e trajetória pessoal) e as propostas mais importantes podem ser conferidas no meu site na internet (endereço abaixo indicado).

11. Destaco a formação, já na campanha eleitoral, de um CONSELHO POLÍTICO CIDADÃO. Composto por pessoas representativas de vários segmentos sociais, esse colegiado será responsável por: a) manter o mandato fiel ao programa apresentado na campanha; b) zelar pela adoção das melhores práticas políticas, em especial aquelas voltadas para a transparência e intenso diálogo público e c) adotar decisões no âmbito do exercício do mandato, como a definição de alocação de recursos por intermédio de emendas orçamentárias.

12. Se você tem identificação com esse projeto, solicito:

13. Responder essa mensagem para receber, sem excessos, outros conteúdos como esse;

14. Responder essa mensagem indicando, se for o caso, o interesse em compor o CONSELHO POLÍTICO CIDADÃO. Adianto que metade desse colegiado será escolhido pela minha pessoa e a outra metade será escolhida entre os interessados cadastrados mediante eleição em meio eletrônico;

15. Encaminhar essa mensagem, por correio eletrônico, whatsapp ou outro meio de envio de mensagens instantâneas, com os acréscimos que julgar convenientes, para seus amigos, familiares e colegas de trabalho.

16. Mais informações e contatos, inclusive para reuniões virtuais ou presenciais, podem ser realizados por um dos canais abaixo apontados.

17. Receba, gratuitamente, em formato eletrônico, o livro POR UM BRASIL LIVRE, JUSTO E SUSTENTÁVEL - ESCRITOS CONTRA A BARBÁRIE NOS SOMBRIOS TEMPOS DE BOLSONARO. Para tanto, preencha o formulário presente no seguinte endereço eletrônico: http://www.aldemario.adv.br/livrobrasil.htm.

18. Obrigado pela atenção !!!

Aldemario Araujo Castro
Advogado
Mestre em Direito
Procurador da Fazenda Nacional
Site: http://www.aldemario.adv.br
E-mail: aldemario@aldemario.adv.br
Instagram: @aldemarioaraujo
Celular: (61) 99271-2609

 

Importa, agora, identificar os principais traços definidores dos critérios para consagração dos parlamentares vitoriosos no pleito eleitoral de outubro de 2022. São dois conjuntos básicos de considerações: a) o financiamento das campanhas e b) como o voto do eleitor será contabilizado.

25/junho/2022
COMO SERÃO ELEITOS OS PARLAMENTARES EM OUTUBRO DE 2022 – PARTE VI

O caminho, a rigor o único caminho aceitável (não é autoritário, nem messiânico), é demorado e trabalhoso. Trata-se de percorrer uma trilha marcada por altas e energéticas doses de conscientização, organização e mobilização políticas. A participação política (a dimensão política da vida) não é um luxo, um capricho ou coisa de “doido”. Afinal, como já foi dito com muita propriedade, quem não se interessa por política será governado (e terá sua vida afetada) por quem se interessa (para perseguir quais objetivos no complexo jogo das forças socioeconômicas?).

18/junho/2022
COMO SERÃO ELEITOS OS PARLAMENTARES EM OUTUBRO DE 2022 – PARTE V

Em suma, a escolha do candidato é algo muito relevante. As decisões a serem tomadas no exercício do mandato parlamentar, notadamente as leis aprovadas ou modificadas, afetarão a vida de todas as pessoas nos mais variados sentidos e intensidades possíveis.

11/junho/2022
COMO SERÃO ELEITOS OS PARLAMENTARES EM OUTUBRO DE 2022 – PARTE IV

Paralelamente às campanhas baseadas no “voto fisiológico” existe outro tipo de campanha eleitoral, caracterizado pelo “voto de opinião”. Nesse caso, a preferência pelo candidato A ou B não está lastreada numa troca de benefícios ou vantagens e recursos pecuniários mais significativos não são decisivos. O eleitor, via de regra, presta atenção e define o seu sufrágio em função: a) de propostas programáticas e b) pela trajetória de vida do candidato que demonstra as habilidades técnicas e políticas para efetivar as proposições de campanha. Em inúmeras situações, o desempenho anterior de mandato parlamentar é fundamental na decisão. A participação ativa na vida sindical, em associações de classe e organizações não-governamentais de uma forma geral são elementos muito valorizados.

21/maio/2022
COMO SERÃO ELEITOS OS PARLAMENTARES EM OUTUBRO DE 2022 – PARTE III

Pretendo, agora, em linhas gerais, discorrer sobre três tipos de fisiologismos mais leves e muito comuns no universo das campanhas eleitorais nesta quadra da história do Brasil. São eles: a) os voltados para a formação de grupos políticos; b) os criados a partir da distribuição enviesada de recursos decorrentes de emendas parlamentares e c) aqueles constituídos por forte inspiração corporativa ou institucional, em especial a religiosa.

14/maio/2022
COMO SERÃO ELEITOS OS PARLAMENTARES EM OUTUBRO DE 2022 – PARTE II

A última afirmação (constatação) é estranha, mas perfeitamente explicável. Com efeito, a maioria dos cidadãos mais ou menos esclarecidos, conscientes e politizados “sentem” o cheiro de alguma coisa podre no processo eleitoral. Não conseguem identificar precisamente o que “se passa”. Entretanto, observando o perfil dos eleitos, boa parte deles ilustres desconhecidos ou sem referências mais sólidas de atuação política ou profissional, “percebem” a prevalência de procedimentos, no mínimo, duvidosos nos sucessos eleitorais.

6/maio/2022
COMO SERÃO ELEITOS OS PARLAMENTARES EM OUTUBRO DE 2022 – PARTE I

As soluções para os grandes problemas brasileiros reclamam diagnóstico adequado e fuga de discursos e posturas fáceis, superficiais e equivocadas, não obstante algum apelo popular por força de falsas imagens desenhadas pela grande imprensa e por uma justa revolta com a ineficiência dos poderes constituídos. O equacionamento das principais mazelas nacionais não é rápido, simples, fácil ou dependente de salvadores ou paladinos da justiça. Será preciso tempo e esforço investidos em conscientização (inclui boas doses de educação formal), mobilização e organização dos interesses democráticos e populares.

29/abril/2022
A EQUIVOCADA PROPOSTA DE REDUÇÃO DO NÚMERO DE DEPUTADOS E SENADORES PELA METADE

Portanto, tudo indica que juridicamente não existe graça (válida) no ato do presidente da República. E politicamente também não tem a menor graça desdenhar da democracia, de seus institutos e de suas instituições.

22/abril/2022
NÃO TEM GRAÇA, BOLSONARO ...

Não se perca de vista que a moral cristã possui inequivocamente duas dimensões: a pessoal e a social. Não existe espírito evoluído ou em evolução, praticante do amor e do perdão, isolado na ilha de Crusoé. O projeto de felicidade é, ao mesmo tempo, individual e coletivo. Não existe amor em meio às violências, discriminações, desigualdades socioeconômicas, misérias e fomes.

17/abril/2022
JESUS, O EXEMPLO

Deve ser saudado e sublinhado que a ministra relatora da ADPF 760 reconheceu, no Brasil, a existência de um quadro estrutural de ofensa massiva, generalizada e sistemática do direito fundamental ao meio ambiente ecologicamente equilibrado com efeitos irreversíveis sobre todos os seres humanos, desta e das futuras gerações, causando impacto sobre o direito à saúde e à vida de número indeterminado de pessoas, incluídas as populações indígenas, afetando ecossistemas inteiros, os animais, a qualidade do ar, o solo e os recursos hídricos e minerais. Essa foi a base para a declaração do denominado estado de coisas inconstitucional.

13/abril/2022
A EMERGÊNCIA CLIMÁTICA, O (DES)GOVERNO BOLSONARO, A REDE SUSTENTABILIDADE E O STF

É preciso, ainda, fazer um alerta muito relevante. Se vale torturar, se vale fazer apologia à tortura, se vale homenagear torturadores, se vale debochar de torturados, o que não vale no convívio humano em sociedade para essa turma que governa o Brasil? E governa com o apoio de muita gente que se afirma espiritualizada e comparece de corpo (não de alma) todo final de semana à missa ou ao culto em reverência ao maior dos presos políticos barbaramente torturado, Jesus Cristo.

8/abril/2022
TORTURA: DA APOLOGIA AO DEBOCHE

No momento em que alguns rendem indevidas homenagens ao golpe militar de 1964, é importante afirmar e reafirmar: tortura nunca mais, censura nunca mais e ditadura nunca mais. Em acréscimo, como forma de realização dessas máximas, é imperioso dizer, repetir e agir no seguinte sentido: Bolsonaro nunca mais. Vale lembrar o famoso alerta de William Shakespeare: “Atiramos o passado ao abismo, mas não nos inclinamos para ver se está bem morto”.

1o./abril/2022
TORTURA, CENSURA, DITADURA E BOLSONARO: NUNCA MAIS

Obviamente, a solução operada por Jesus (provavelmente o espírito mais evoluindo que já andou pela face da Terra) não deve ser tomada no sentido literal para os dias modernos. Não é o caso de expulsar, de chicote na mão, os vendilhões da educação brasileira. Entretanto, a revolta e a repulsa do Cristo devem ser as mesmas para adoção das sanções jurídicas pertinentes (improbidade administrativa, penais e civis) e das consequências políticas. Nesse último quesito, é dever da cidadania consequente combater a permanência desses malfeitores no cenário político e, sobretudo, nos espaços públicos de poder. É crucial recusar voto, apoio, espaço, olhos e ouvidos para esses mercadores da fé, da educação, dos sonhos e da dignidade dos brasileiros, a começar pelo principal e mais graduado deles.

25/março/2022
JESUS E OS VENDILHÕES DA EDUCAÇÃO BRASILEIRA

Registre-se que o maior dos bravateiros tupiniquins, confortavelmente instalado no Palácio do Planalto, aboletado em motos e jet skis, tem os instrumentos para reverter essa triste situação. Em abril de 2022, pode mudar o Conselho de Administração da PETROBRÁS de forma a definir novos rumos para a operação da companhia, a serem implementadas pela diretoria executiva. A questão energética que passa pela PETROBRÁS pode deixar de ser tratada como simples mercadoria e ter o status de assunto estratégico integrante de um projeto de segurança e desenvolvimento nacional com sensibilidade social, como manda a Constituição, incluindo investimentos pesados numa transição energética rumo a opções limpas e sustentáveis. Entretanto, como ele disse: “não vou interferir no mercado”. Digo eu: ele não vai interferir nos poderosos interesses de certos setores do mercado. Afinal, foi eleito justamente para viabilizar esses interesses (um punhado de seus eleitores promoveu “isso daí” e a grande maioria “foi na onda”).

18/março/2022
PETROBRÁS, PPI, AUMENTOS E BOLSONARO: QUEM LUCRA BILHÕES COM ISSO DAÍ?

Segundo dados divulgados pela ABECS (Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços), a média mensal de gastos de brasileiros no Brasil e no exterior é a seguinte, para o período de setembro de 2019 a setembro de 2021: a) cartão de débito: 68,93 bilhões de reais e b) cartão de crédito: 109,39 bilhões de reais. Esses números apontam para um montante de cerca de 75 bilhões de reais por ano auferidos a título do denominado “imposto privado” relacionado com o uso de cartões de débito e crédito. Para efeito de comparação, registre-se que o lucro líquido da Petrobras alcançou 106,6 bilhões de reais em 2021 (fonte: cnnbrasil).

5/março/2022
O “IMPOSTO PRIVADO” PAGO NAS UTILIZAÇÕES DOS CARTÕES DE DÉBITO E CRÉDITO

Os povos do mundo, imbuídos de profundo espírito democrático e com base no pluralismo cultural e político, são chamados a fundar uma nova ordem internacional bem distante dos valores e objetivos dos putins e dos bidens. Essa nova ordem deve ser fundada em valores como a cooperação, fraternidade, compreensão, inclusão social, regulação econômica e sustentabilidade, notadamente ambiental

24/fevereiro/2022
NEM PUTIN, NEM BIDEN

O uso indiscriminado de agrotóxicos é um dos capítulos mais importantes e preocupantes da chamada “agricultura moderna”. Seguem as considerações que fiz sobre esse tema no oitavo capítulo do livro “Saúde e bem-estar. Minha anotações”, no prelo da Literando Editora.

11/fevereiro/2022
O “PL DO VENENO” E A AGRICULTURA MODERNA

Atualmente, é preciso demonstrar as condutas, devidamente encadeadas, condutoras do desfecho do acréscimo patrimonial indevido. Não é caso de provar diretamente o ânimo subjetivo (pretensão de enriquecer), mas comprovar de forma segura os atos livres e conscientes voltados inequivocamente para produzir esse resultado específico.

7/fevereiro/2022
IMPROBIDADE ADMINISTRATIVA POR ENRIQUECIMENTO ILÍCITO DEPOIS DA EDIÇÃO DA LEI N. 14.230/2021

Nosso maior problema, tenho dito e reafirmado insistentemente, consiste nas profundas desigualdades sociais e na extrema pobreza decorrente. A corrupção, tão destacada, figura como uma das grandes mazelas nacionais, mas não é a maior delas. Não é a corrupção, mesmo antiga e incrustada em largos segmentos dos negócios públicos e privados, que produz as profundas diferenças socioeconômicas e a revoltante miséria da triste cena brasileira.

4/fevereiro/2022
QUAL O PRINCIPAL PROBLEMA DO BRASIL?

O longo e trabalhoso processo de combate à corrupção e malversações congêneres deve ser centrado fundamentalmente na criação de instrumentos que cortem o oxigênio dos malfeitores. Em outras palavras, os mecanismos sociais e institucionais no campo da prevenção são as mais poderosas armas nessa seara, sem descurar, nos níveis adequados, da detecção, investigação, punição e monitoramento.

9/dezembro/2021
MAIS UMA PALAVRA ACERCA DO PERMANENTE COMBATE PREVENTIVO À CORRUPÇÃO

As fake news são informações rasas ou pontuais. Eles casam muito bem com a construção binária da luta política. Afinal, o maniqueísmo funciona como uma excelente zona de conforto, preguiça ou incapacidade intelectual de ler, entender e interagir com um mundo crescentemente complexo e multifacetado.

4/dezembro/2021
ENTREVISTA SOBRE FAKE NEWS COM ALDEMARIO ARAUJO CASTRO

O prestígio constitucional explícito da cidadania e da publicidade dos negócios públicos seria um discurso vazio, desprovido de consequências práticas, caso não fossem adotados os instrumentos legais para dar concretude a esses relevantíssimos valores. Nessa linha, foi adotada, no dia 18 de novembro de 2011, a Lei n. 12.527, conhecida como Lei de Acesso à Informação (LAI). Comemoramos, portanto, a primeira década de sua inserção no ordenamento jurídico brasileiro.

26/novembro/2021
DEZ ANOS DA LEI DE ACESSO À INFORMAÇÃO

Esse é o retrato de uma instituição que foi paulatinamente se distanciando de suas missões e se transformando preponderantemente num clube de grandes escritórios e grandes advogadas e advogados.

5/novembro/2021
QUEM SEQUESTROU A OAB?

Não custa registrar que esse protagonismo feminino é altamente positivo para as mulheres e para os homens. Em suma, é muito bom para todos. Uma sociedade, especialmente o exercício do poder institucionalizado, fundada na ótica feminina realiza com mais propriedade e intensidade a dignidade da pessoa humana, a liberdade, a justiça social e a solidariedade. Inúmeros governos e organizações sociais liderados por mulheres pelo mundo afora confirmam essa ponderação.

29/outubro/2021
REFLEXÕES DE UM CANDIDATO A VICE-PRESIDENTE DA OAB/DF ACERCA DO PROTAGONISMO FEMININO REPRESENTANDO POR SUA CHAPA

Uma coisa é certa, a título de fecho dessas linhas, a profissão da liberdade, também é a profissão da solidariedade social e da empatia (na fórmula da "justiça social" expressamente posta no Estatuto da OAB). Não pode, e não deve, o advogado e a advogada, permanecer insensível diante da marcha, como infelizmente se observa na atual quadra da sociedade brasileira, dos preconceitos, dos arbítrios e das desigualdades.

23/outubro/2021
ADVOCACIA: A PROFISSÃO DA SOLIDARIEDADE SOCIAL E DA EMPATIA

É de uma insensibilidade atroz e de uma falta de empatia sem tamanho sustentar um argumento meramente formal que, na prática, reforça o constrangimento e a dor de milhões de brasileiras, já duramente massacradas por carências de toda ordem.

15/outubro/2021
RECUSA DE COMBATE À POBREZA MENSTRUAL MOSTRA A FACE MAIS PERVERSA DO GOVERNO BOLSONARO

Os “paraísos fiscais” não são ilegais. Manter recursos (milhões ou bilhões de dólares) em “paraísos fiscais” não é ilegal. Trata-se de mais um formidável exemplo de utilização da institucionalidade jurídica para viabilizar um poderoso mecanismo de administração e acumulação de riqueza de forma particularmente perversa. Afinal, os recursos tributários que não são arrecadados dos super-ricos em “paraísos fiscais” são exigidos, aumentando a carga tributária, dos trabalhadores e micro, pequenos e médios empresários que só conhecem “paraísos fiscais” por notícias da imprensa (são os setores não globalizados).

8/outubro/2021
OS “PARAÍSOS FISCAIS” ESCANCARAM DESIGUALDADES E IMORALIDADES

Os rumos escolhidos pelo Governo Bolsonaro aperfeiçoam os mecanismos que produzem a secular corrupção sistêmica e agravam significativamente a pobreza e a marginalização social no Brasil.

01/outubro/2021
A POBREZA NO BRASIL DE BOLSONARO

Vejamos como a associação com o Centrão produz uma “pérola” antes desconhecida entre os estratagemas das malversações com o dinheiro público no Brasil. Trata-se das emendas do relator ao orçamento da União (conhecidas como RP9), princípio ativo do chamado “orçamento secreto”.

25/setembro/2021
A CORRUPÇÃO NO BRASIL DE BOLSONARO

Percebe-se, com bastante facilidade, que uma montanha de cerca de 750 bilhões de reais são pagos anualmente por pessoas físicas e empresas na forma de juros bancários no Brasil. Até porque o devedor de bancos no Brasil não paga a (“baixa”) taxa SELIC estabelecida pelo Banco Central. Esse, apesar de ser um dos principais problemas socioeconômicos brasileiros, inclusive por deprimir o consumo e a dinâmica econômica de forma significativa, raramente é objeto de alguma atenção da imprensa ou dos últimos governos, incluído o atual.

18/setembro/2021
AUMENTO DO IOF OU RECURSOS DO “ANDAR DE CIMA” PARA FINANCIAR A TRANSFERÊNCIA DE RENDA NO BRASIL?

Em suma, e muito sumariamente, o Estado Democrático de Direito assegura os meios, republicanos e civilizados, para a crítica e contraposição a tudo aquilo de que você discorde, inclusive oriundo do STF. Para tanto, seu melhor conselheiro é seu advogado. O que não se aceita é o regresso ao estado de barbárie estimulado até pelas mais graduadas autoridades constituídas.

10/setembro/2021
INSATISFEITO COM O STF?

A ausência de respostas para as perguntas antes postas denunciam um quadro jurídico aberrante, num plano meramente teórico ou hipotético, para a tese da movimentação institucional pretoriana contra Poderes da República. Em outras palavras, trata-se de um verdadeiro terraplanismo constitucional, na bem cunhada expressão que circula nos meios jurídicos. A chamada “interpretação absurda” subjacente não se sustenta por inapelável falta de lógica, fundamento técnico-jurídico e sentido.

2/setembro/2021
O ART. 142 DA CONSTITUIÇÃO NÃO AUTORIZA INTERVENÇÃO MILITAR CONTRA A DEMOCRACIA

Qual será o próximo capítulo dessa novela? A resposta, pelo visto, é bem difícil, mas uma coisa é certa: O BRASILIENSE NÃO MERECE ESSA GESTÃO NA SAÚDE DO DISTRITO FEDERAL.

27/agosto/2021
O BRASILIENSE NÃO MERECE ESSA GESTÃO NA SAÚDE – PARTE II

Portanto, sobram razões para a instalação da “CPI do IGES/DF”. Trata-se de medida de estrito respeito aos recursos públicos, à moralidade administrativa, à eficiência na prestação dos serviços públicos e ao cidadão usuário do sistema de saúde do Distrito Federal.

19/agosto/2021
CPI DO IGES/DF, JÁ! O BRASILIENSE NÃO MERECE ESSA GESTÃO NA SAÚDE

Portanto, somente a cegueira seletiva ou a ingenuidade em alta dose pode alimentar alguma ilusão acerca da incolumidade do núcleo familiar que conduz, de forma atabalhoada (para dizer o mínimo), os destinos políticos do País. A corrupção sistêmica existente no Brasil por décadas (e séculos) continua operando em todos os níveis governamentais, com novos e velhos atores, com novos e velhos métodos.

16/julho/2021
SE GRITAR PEGA CENTRÃO ...

Urge reagir contra os mais variados retrocessos observados na sociedade brasileira na atualidade. Essa é uma tarefa da sociedade civil organizada e esclarecida, notadamente aquela que percebe, com clareza, a marcha da estupidez, do ódio, da ignorância e a sustentação, inconsciente até, dos verdadeiros e mais abjetos privilégios socieconômicos presentes no Brasil (um dos países mais desiguais do planeta, é sempre bom frisar).

25/junho/2021
UM BRASIL DE RETROCESSOS

O Brasil não se resume ao superavit primário, à corrupção, aos “privilégios” do funcionalismo público (embora existam aqueles a serem suprimidos) e aos “demoníacos” gastos previdenciários, como afirmam os discursos do Governo, da grande imprensa e do mercado, em especial o financeiro. A imensa maioria da sociedade brasileira nem imagina o que (e quanto) é “escondido” dela em termos de expedientes institucionalizados de transferência de riqueza (não se trata de corrupção em sentido estrito) da imensa maioria da população para um punhado de “escolhidos”. Esses expedientes (bilionários e trilionários) envolvem, entre outros: a) remessas para paraísos fiscais; b) pagamento do serviço da dívida pública; c) formação de reservas monetárias; d) sonegação; e) benefícios tributários; f) subsídios; g) operações compromissadas e h) swap cambial.

11/junho/2021
A POBREZA DECORRE DA CORRUPÇÃO?

Sem adequação estrutural da forma de fazer política (pelo político eleito e pelo cidadão), das práticas educacionais em todos os níveis e da formação técnico-científica voltada para o mundo do trabalho em constante evolução prevalecerão, em todas as áreas, consideradas as peculiaridades de cada uma, enormes déficits de eficiência e qualidade nos resultados oferecidos pela gestão administrativa. O choque de administração (que não é essencialmente normativo), construtivo, e não destrutivo, como se pretende nas reiteradas propostas de Reforma Administrativa (no Poder Público), é uma imperiosa necessidade do Brasil (e não só da Administração Pública).

27/maio/2021
REFORMA NA ADMINISTRAÇÃO
PÚBLICA OU NO BRASIL?

O eficiente combate à corrupção passa longe, muito longe, de uma simplória cruzada moral contra os degenerados detratores da moralidade e patrimônio públicos e pela busca por mitos, messias, heróis ou salvadores da Pátria. O longo e penoso processo de combate à corrupção e malversações congêneres deve ser centrado fundamentalmente na criação de mecanismos institucionais que cortem o oxigênio dos malfeitores, sem prejuízo de rigorosas verificações éticas para ocupação de postos cruciais nas várias áreas de atuação do Poder Público.

13/maio/2021
COMBATE À CORRUPÇÃO POR
MEDIDAS ESTRUTURAIS

Portanto, é mais do que descabido e inconstitucional o autoritarismo (“poder de força”) da impossibilidade de contestação judicial de um ato jurídico, em especial se adotado pelo Poder Público. Trata-se de uma cabal demonstração do tamanho da barbárie incrustada no caráter do mandatário máximo da Nação.
Um alerta final é necessário. Não repita a experiência presidencial em casa, no condomínio (Pau-Brasil e qualquer outro), na escola, no trabalho, no clube ou na praça. As consequências podem ser desastrosas para a convivência humana continuamente redutora dos atrasos pessoais e sociais.

7/maio/2021
LIÇÃO ELEMENTAR DE CIVILIDADE:
DIREITO DE ACESSO À JUSTIÇA

Todo esse jogo em torno das emendas parlamentares escancara uma das mais nefastas formas de fazer política no Brasil. Trata-se do indecente balcão de negócios em torno da destinação de recursos públicos por intermédio do orçamento. Escancaradamente, à luz do dia, com cobertura pela imprensa, trocam-se votos no âmbito da atuação parlamentar por verbas orçamentárias.

30/abril/2021
A DESORGANIZAÇÃO ORÇAMENTÁRIA
COMO CONSEQUÊNCIA DO QUE
EXISTE DE PIOR NA PRÁTICA
POLÍTICA BRASILEIRA

Vamos assumir a condição de ministro do STF por um dia. Mais especificamente, vamos vestir a toga do relator responsável pela primeira apreciação do processo em questão. (...) Veja que, mesmo por um dia, sua vida como ministro(a) do STF é tudo, menos fácil e tranquila. Decidir, notadamente questões de ampla repercussão política e social, é uma das atividades mais penosas e delicadas do convívio humano em sociedade, notadamente uma especialmente plural e complexa como a brasileira.

16/abril/2021
CPI DA COVID-19: SEJA MINISTRO DO STF POR UM DIA

É possível (e válido) afirmar que uma hipótese (científica) deve ser tomada como verdadeira quando acumular uma grande quantidade de evidências significativas confirmadoras. Na maior parte dos casos, sobretudo na área médico-nutricional, será uma certeza relativa em função do apoio de evidências quantitativas e qualitativas que poderão ser refutadas em momento posterior. No caso específico do “tratamento precoce” para o novo coronavírus, como dito, parece (digo, parece) que as evidências não atingiram um ponto que permita uma conclusão positiva confortável.

9/abril/2021
“TRATAMENTO PRECOCE” PARA A COVID-19: A VISÃO DE UM LEIGO CURIOSO

Portanto, o Presidente da República reconhece explicitamente as medidas de isolamento, quarentena e uso de máscaras de proteção como viáveis para o combate à propagação do novo coronavírus. Também reconhece que as autoridades competentes podem adotar as referidas medidas. Admite a restrição à locomoção de pessoas como medida sanitária e a requisição de bens e serviços privados como ação eventualmente necessária.

2/abril/2021
BOLSONARO APROVA
ISOLAMENTO E QUARENTENA
NO COMBATE AO NOVO CORONAVÍRUS

No caso dos órgãos e carreiras jurídicas da Advocacia-Geral da União (AGU) são urgentes e inafastáveis ajustes constitucionais voltados para o indispensável fortalecimento institucional. Ademais, as premissas antes referidas exigem inserção numa moderna lei orgânica que coloque a instituição e seus integrantes (Advogados da União, Procuradores Federais, Procuradores do Banco Central e Procuradores da Fazenda Nacional) como guardiões dos mais caros interesses do Estado Democrático de Direito e dos cidadãos brasileiros. Longe, bem longe, dos caprichos dos governos de plantão.

30/março/2021
CORRUPÇÃO,
ADVOCACIA PÚBLICA E PREVENÇÃO

Convivemos, nos últimos meses, com uma escalada de críticas ao Presidente Jair Messias Bolsonaro. São vistos, ouvidos e lidos uma série de ataques infundados dirigidos ao mito, nosso comandante em chefe. (...) A liderança de Jair Bolsonaro é um privilégio. Nenhum outro país na face da Terra conta com um líder inteligente, culto, equilibrado, conciliador, agregador, polido, sensível, competente, amante da democracia e dos direitos humanos e tantos outras virtudes. Dezenas de páginas seriam consumidas somente na listagem dessas características virtuosas festejadas por aliados e invejadas por opositores.

25/março/2021
BOLSONARO,
UM POÇO DE VIRTUDES

Esse desenho institucional das competências federativas reclama elevado espírito público, enorme capacidade de ação colaborativa e profunda competência técnica em prol da saúde de todos, inclusive para superar dificuldades e lacunas do desenho normativo constitucional e legal. Esses artigos de natureza política parecem profunda e perigosamente raros no delicadíssimo momento atual, sobretudo no plano do governo federal.

5/março/2021
A PANDEMIA DA COVID-19 E A
REDESCOBERTA DA FEDERAÇÃO BRASILEIRA

Assim, as atuais características do Direito e seu funcionamento/aplicação permitem, como nunca antes, “esconder” razões ou motivações escusas em manifestações, decisórias ou não, revestidas de um belo discurso jurídico, notadamente invocando indevidamente princípios, valores e objetivos da ordem jurídica.

6/fevereiro/2021
OS OPERADORES DO DIREITO E AS MOTIVAÇÕES DE SUAS MANIFESTAÇÕES

Qual é a sua avaliação sobre as eleições de Arthur Lira e Rodrigo Pacheco, novos presidentes da Câmara dos Deputados e do Senado Federal, respectivamente? Qual a relevância da atuação da nova presidência na condução da pauta do Congresso Nacional em 2021? Qual é a sua avaliação técnica sobre as propostas de reforma tributária e administrativa que tramitam no Congresso Nacional?

5/fevereiro/2021
ENTREVISTA

Os legítimos e necessários questionamentos aos mecanismos sociais, políticos e econômicos que produzem malezas, de todas as ordens e naturezas, não podem, sob pena de uma volta estarrecedora às cavernas, ao estado de natureza, a lei do mais forte ou qualquer outra proclamação semelhante, afastar um acordo civilizatório mínimo que compreende, mas não esgota, conquistas científicas consolidas com inegáveis frutos colhidos ao longo da história.

15/janeiro/2021
COVID-19: VACINAR OU NÃO VACINAR

A abertura do Direito para a vida, para o complexo e plural convívio social contemporâneo, por intermédio de valores e princípios, não pode legitimar a sua interesseira aplicação para consecução de caprichos, interesses pessoais e desideratos político-partidários com a invocação genérica de respeito ao interesse público, aos anseios populares ou à prática política arraigada (mesmo aquela eivada de sentido profundamente negativo).

16/dezembro/2020
O VALE-TUDO JUDICIAL É INCOMPATÍVEL COM A CONSTITUIÇÃO

Como construir um país minimamente digno com base, entre outras mazelas, na busca frenética por inimigos, na disseminação do ódio, no desrespeito, na desqualificação e na negação da riqueza e da diversidade do gênero humano? Nessa toada, voltamos para as cavernas a passos largos ... Imagine, só imagine, as seguintes palavras na boca de um Chefe de Estado, ou Governo, estrangeiro: “O Brasil tem que deixar de ser um país de maricas”.

14/novembro/2020
O BRASIL “TEM QUE DEIXAR DE SER UM PAÍS DE MARICAS”

Observe-se que as fontes financeiras cogitadas pelo governo para instituir um novo programa de renda mínima simplesmente “esquecem” o “andar de cima” da sociedade. (...) Mudando o foco dos debates, aponto uma fonte de financiamento que atinge diretamente o “andar de cima”. Trata-se de aumentar a tributação dos juros recebidos pelos bancos nas suas operações de crédito (as mais diversas formas de empréstimos concedidos a pessoas físicas e jurídicas).

30/outubro/2020
RECURSOS DO “ANDAR DE CIMA”
PARA UM PROGRAMA
DE RENDA MÍNIMA

Não consigo qualificar adequadamente esse novo patamar alçado pela barbárie no Brasil. Vidas e sofrimentos de milhões de pessoas são submetidos de forma irresponsável aos desejos eleitorais e delírios políticos de alguém visivelmente incapaz do mínimo de empatia para com o próximo.

23/outubro/2020
A “VACINA DO BRASIL” E
A BARBÁRIE DESEMBESTADA

Não existe uma fórmula geral (método, algoritmo ou caminho) que indica como os três conjuntos fundamentais de elementos (contexto fático, enunciados normativos e valores) são utilizados na construção da solução jurídica para cada caso concreto. Subsiste uma infinidade de questões “internas” a serem consideradas em cada um dos três campos referidos. Ademais, são múltiplas e difíceis as relações entre os três elementos.
(O caso André do Rap e o Direito)

18/outubro/2020
ENTRE A PREVISIBILIDADE
E A COMPLEXIDADE

.. do Livrão (da vida) ninguém escapa. Esse Livrão registra todos os atos positivos e negativos do vivente. No momento certo, o Livrão será lido e levantado o pertinente balanço. Suspeito, só suspeito, que Chiquinho (e sua turma), nesse momento crucial, não escapará da justiça indefectível. Afinal, “a semeadura é livre, mas a colheita é obrigatória” (aqui ou alhures).

26/setembro/2020
CHIQUINHO E O LIVRÃO

As premissas da PEC n. 32/2020 são preocupantes. Infelizmente, a demonização dos servidores públicos e o enfraquecimento da Administração Pública, inclusive com a precarização dos vínculos entre o Poder Público e seus agentes, numa sociedade profundamente desigual, onde prevalecem mesquinhos e avassaladores interesses econômicos e políticos e carente de uma ampla e profunda rede de proteção social, abrem espaço para o aumento considerável de tristes mazelas socioeconômicas.

12/setembro/2020
A REFORMA ADMINISTRATIVA: QUEM PERDE COM O ENFRAQUECIMENTO DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA?

Existem quadrilhas de corruptos especialmente maléficas atuando no seio do Poder Público (federal, estadual, distrital e municipal). São aquelas capitaneadas, organizadas e protegidas por poderosas forças políticas, inclusive com atuação nacional.

"Poderíamos tentar definir a delinquência institucionalizada como os crimes cometidos por um grupo em posição central e privilegiada dentro do poder público e dos establisment estatal e empresarial".

28/agosto/2020
O SERVIDOR CORRUPTO INTEGRANTE DE UMA QUADRILHA ORGANIZADA POLITICAMENTE

A ausência de respostas para as perguntas antes postas denunciam um quadro jurídico aberrante, num plano meramente teórico ou hipotético, para a tese da movimentação institucional pretoriana contra Poderes da República. Em outras palavras, trata-se de um verdadeiro terraplanismo constitucional, na bem cunhada expressão que circula nos meios jurídicos. A chamada “interpretação absurda” subjacente não se sustenta por inapelável falta de lógica, fundamento técnico-jurídico e sentido.

14/agosto/2020
O ART. 142 E O TERRAPLANISMO CONSTITUCIONAL

Tive o cuidado de ler a petição inicial da ADIN em questão. Pretendia dizer, neste escrito, que se trata de uma peça muito bem construída sob a ótica técnico-jurídica. Pretendia, ainda, fazer uma série de ponderações acerca do uso da técnica e de uma instituição de Estado como instrumento para a ação política em função do interesse particular de A ou B. (...) Quero crer que uma manifestação de apreço por um alimento, em especial por certos ingredientes de sua elaboração, possa, com um grau considerável de generosidade e humanidade, passar incólume em relação a uma persecução disciplinar.

31/julho/2020
APREÇO PELO MANGULÃO

Os pilares fundamentais das condutas a serem observadas foram destacados anteriormente. São eles: a) alimentação adequada; b) atividade física; c) equilíbrio emocional e d) certos hábitos saudáveis. (...)
Não são dietas, nem práticas transitórias ou passageiras. São comportamentos positivos ou construtivos a serem realizados diariamente durante toda a vida.

25/julho/2020
SAÚDE E BEM-ESTAR. 60 CONCLUSÃO, MAS AS LECTINAS ...

A cultura de levar vantagem contra tudo e contra todos, em que a corrupção em sentido estrito constitui seu ápice, é um dos principais problemas na atual quadra histórica da nação brasileira. (...) Afirmo, e reafirmo, que não existe combate à corrupção meramente retórico ou como uma cruzada moral para converter os degenerados. Essa empreitada exige medidas e providências concretas que reduzam ou eliminem o oxigênio alimentador das mais vis formas de malversação da coisa pública.

11/julho/2020
A CENTENÁRIA CULTURA BRASILEIRA DE LEVAR VANTAGEM CONTRA TUDO E CONTRA TODOS

Ocorre que é lição comezinha de direito constitucional, encontrada na literatura jurídica nacional e internacional, assim como nas decisões judiciais, a afirmação da inexistência de direitos absolutos. É facílimo perceber que um direito, e seu exercício, não pode ser ilimitado justamente pela existência de outros direitos titularizados por outras pessoas naturais ou jurídicas.

3/julho/2020
A LIBERDADE DE EXPRESSÃO E AS FAKE NEWS

“A respiração é o maior bem que você possui. Ela é naturalmente meditativa e está sempre com você. Reflete suas emoções mais intensas e lhe permite tanto suavizá-las quanto direcioná-las. A respiração o ajuda a se sentir inteiro, pleno e no controle ao estabelecê-lo no momento presente, clarear sua mente e libertar seus instintos”.

27/junho/2020
SAÚDE E BEM-ESTAR. 59 RESPIRAÇÃO

Autoritário? Ditador? Fascista? O que foi, e é, Bolsonaro? Creio que pode ser realizado um interessante esforço intelectual para enquadrar o dito cujo em um ou alguns desses deploráveis padrões de atuação política. Sustento, entretanto, como fiz anteriormente, que a principal característica deletéria do “mito” é bem anterior aos modelos políticos mais rebuscados. Sustentei, e sustento, que o “salvador da Pátria” antes de tudo é um bárbaro, um indivíduo que não compreende e não sustenta os valores mais elementares do convívio humano minimamente civilizado.

20/junho/2020
PROFETA DA BARBÁRIE

A colaboração referida envolveria, entre outros: a) criação (inteligente) do imposto sobre grandes fortunas, expressamente previsto na Constituição (art. 153, inciso VII); b) redução do pagamento do serviço da dívida pública, inclusive via tributação; c) limitação da realização de swap cambial; d) redução das operações compromissadas; e) diminuição significativa de subsídios; f) redução drástica de benefícios fiscais, inclusive no âmbito dos programas de refinanciamento das dívidas; g) tributação de lucros, dividendos e remessas para o exterior; h) criação e operacionalização de um enérgico programa de combate à sonegação fiscal e i) criação de instrumentos normativos e efetivo apoio logístico para a recuperação de parte sensível das dívidas ativas.

13/junho/2020
JOGA PEDRA NO SERVIDOR PÚBLICO ...

São várias as fórmulas apresentadas para alterar o ambiente nãorepublicano de escolha dos ministros do STF. Uma delas propõe um rodízio nas indicações entre o Presidente da República, Câmara dos Deputados e Senado Federal. Outra proposta sustenta a formação de listas sêxtuplas e, depois, tríplices até a escolha final pelo Parlamento ou pelo Presidente da República.

6/junho/2020
STF: JÁ PASSOU DA HORA

“Talvez o maior benefício da vitamina D seja o de reduzir o risco de morte por qualquer causa. Na verdade, os benefícios da vitamina D para a saúde são tão espantosos que eu acredito piamente que otimizar seus níveis pode ser uma das coisas mais importantes que você pode fazer para melhorar e manter a sua saúde”.

30/maio/2020
SAÚDE E BEM-ESTAR. 58 SOL E VITAMINA D

Os momentos mais críticos se aproximam. Temos, ainda, delicados fatores agravantes, como: a) uma inacreditável e aguda disputa política, incluindo negociações e negociatas de bastidores, em torno da doença, das formas de enfrentamento e de repasses de recursos públicos; b) milhões e milhões de pessoas vivendo em comunidades e favelas (ambientes fortemente propícios à aceleração da propagação) e c) uma enorme falta de conscientização e disciplina de amplos setores da população.

10/maio/2020
CORONAVÍRUS: O PANORAMA NA IMINÊNCIA DO PIOR

Momento triste para a AGU como instituição de Estado. Ninguém merece, por conta do mero exercício do puder (com “u” mesmo), servir, contra os mais elementares valores éticos e parâmetros técnico-jurídicos, ao profeta do que existe de pior e mais abjeto na natureza humana.

30/abril/2020
RECORRA AGU, QUEM MANDA SOU EU

Praticamente o mundo inteiro (a aldeia global) convive com a pandemia do covid-19 (um vírus com baixo grau de letalidade, mas com uma incrível capacidade de propagação). Uma pergunta é inevitável: o que fazer diante da pandemia? Em suma, como dizem as célebres palavras de Any Rand, “você pode ignorar a realidade, mas não pode ignorar as consequências de ignorar a realidade”.

11/abril/2020
CORONAVÍRUS: O QUE FAZER?

Portanto, é dever moral, político e constitucional do Presidente da República, notadamente na relação com os entes federativos, perseguir com tenacidade o melhor funcionamento das instituições públicas e privadas para obtenção da máxima sinergia no combate ao inimigo comum. Falas e medidas em sentido oposto, nesse momento de extrema gravidade, exigirá o afastamento das providências tortas e, até mesmo, do próprio autor delas (ao menos o seu isolamento político).

4/abril/2020
O “DECRETO SOBRE A MESA”: TODAS AS ATIVIDADES ECONÔMICAS SÃO ESSENCIAIS?

O estado de estresse mantido por longos períodos de tempo é prejudicial à saúde. Altas quantidades de cortisol acarretam elevações dos níveis de açúcar e pressão arterial. Por outro lado, conduzem à diminuição da libido. O doutor Edmond Saab Júnior, no livro “Os segredos da longevidade”, afirmou: “Então, antes de chegar à fase da fadiga adrenal que acabei de explicar, normalmente passamos por um período de estresse longo (cortisol elevado). Todos sabemos, principalmente o meio científico, que esse estresse está diretamente ligado à formação de todos os tipos de doenças”.

29/março/2020
SAÚDE E BEM-ESTAR. 56 ESTRESSE

Parece de uma evidência solar que uma coordenação minimamente eficiente das medidas federativas criaria uma especial sinergia em relação ao assunto. A definição de critérios uniformes de atuação, de caráter nacional, seria plenamente viável. Os vários estádios de evolução da pandemia e as peculiaridades locais seriam devidamente considerados, em especial nas medidas mais radicais de isolamento domiciliar e quarentena. A ausência desse importantíssimo ingrediente só degrada, com mais rapidez e toda sorte de sofrimentos, a construção de um esforço coletivo de enfrentamento do vírus e das mazelas socioeconômicas decorrentes de sua propagação.

21/março/2020
CORONAVÍRUS, FEDERAÇÃO E ESPÍRITO PÚBLICO

Exerci o honroso (e espinhoso) cargo de Controlador-Geral do Distrito Federal de janeiro de 2019 até fevereiro de 2020. (...) Termino essas breves linhas com uma afirmação de pura justiça. A Controladoria-Geral do Distrito Federal (CGDF) é uma pérola, a ser resguardada e fortalecida, no âmbito da Administração Pública do Distrito Federal.

14/março/2020
UMA PÉROLA NA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA DO DISTRITO FEDERAL

O sono abrange aproximadamente um terço da vida de uma pessoa. A enorme importância do sono não é bem compreendida pela maioria esmagadora dos indivíduos. Ele desempenha várias funções cruciais, como: a) funciona como um alimento; b) repõe energias; c) revigora o corpo e a mente; d) fortalece o sistema imunológico; e) consolida a memória e f) realiza um processo de regulação para o período de vigília seguinte.

29/fevereiro/2020
SAÚDE E BEM-ESTAR. 55 SONO

Não estamos simplesmente diante mais um diploma legal que impõe a utilização de mais um sistema informatizado nas atividades desenvolvidas no seio da Administração Pública. (...) Com todos os contratos devidamente registrados, as atividades de planejamento dos processos licitatórios e de acompanhamento da execução atingem outro patamar de eficiência com profundos reflexos positivos para o cidadão no plano da prestação de serviços públicos.

15/fevereiro/2020
PERSPECTIVAS DE SIGNIFICATIVAS MUDANÇAS NA GESTÃO ADMINISTRATIVA DO DISTRITO FEDERAL